FEDERAÇÃO DA FROTA
ESTELAR DE SÃO PAULO

RESPONSÁVEL - ALMIRANTE WILTON
EDITOR CHEFE - CAPITÃO CARLOS
COLABORADORES - CAPITÃ JOSEMEIRE
- TENENTE BACELLAR
INFORME GERAL
N. 002/99

 



 

Only a paper moon - Episódio de DS9

Após perder sua perna em batalha, um triste Nog volta a estação para se recuperar. Toda a tripulação faz o melhor para levantar-lhe o ânimo, mas o jovem alferes está em conflito, tanto emocional quanto físico, lutando contra sua deficiência, equilibrando-se sobre a sua nova perna biositêmica para que funcione direito. O Depois de ficar empurrando pelo caminho aquela que mais cuidadosamente tenta lhe ajudar, Nog decide desistir dos médicos na ociosa em Las Vegas de 1962, ocom o cantor Vic Fontaine, dentro da Holossuíte.

(Fonte: The Treker News)

 

 

 

OS UFOs VISTOS DO COSMOS

Alguns depoimentos de astronautas americanos e russos que teriam avistado UFOs, que se tornaram famosos no meio dos UFÓLOGOS.
Um sinal de que não estamos só no universo.......!

  12.04.1961   Vostok 1. Yuri Gagarin vê alguma coisa voando em torno de sua cabine.  
         
  07.08.1961   Vostok II. Gherman Titov avista abjetos luminosos seguindo a sua cápsula.  
         
  20.02.1962   Mercury 6. John Glenn Jr. Avisa a estação rastreadora de Woomera ( Austrália ) que via da sua cabine "uns corpos estranhos e luminosos "seguindo a sua nave.  
         
  24.05.1962   Mercury 7. Scott Carpenter vê e fotografa UFOs. Na ocasião sua nave sofreu um inesperado desvio de rota.  
         
  16.05.1963   Mercury 9. Gordon Cooper vê na sua 15ª órbita da sua nave, um objeto verde que o segue por alguns minutos.  
         
  18.06.1963   Vostok 5. Valery Bykovsk informa a estação de Baikonur que está sendo seguido por um objeto oval.  
         
  18.03.1965   Vostok 6. Pavel Belyayev e Alexei Leonov avistam objeto cinza estranho.  
         
  04.06.1965   Gemini 4. Gordon Cooper e Charles Conrad informam que estão sendo seguidos por três UFOs.  
         
  29.08.1965   Gemini 5. Edward White e James McDiwit fotografam UFO sibre o Havaí.  
         
  18.12.1965   Gemini 7. Frank Borman e James Lowell fotografam objetos em forma de pêra.  
         
  15.09.1966   Gemini 11. Richard Gordon admite Ter visto UFOs, mas não pode comentá-los por "serem assunto proibido para os astronautas da NASA"  
         
  11.10.1968   Apolo 7. Walter Cunninghan registra UFOs numa das suas passagens pela Austrália.  
         
  23.12.1968   Apolo 8. Powell informa à terra, observando um UFO: Äcabo de ver Papai Noel. Também é astronauta"  
         
  19.05.1969   Apolo 10. John Young é seguido por dois UFOs até a Lua  
         
  21.07.1969   Apolo 11. Neil Armstrong, Edwin Aldrin e Michael Collins veêm UFOs. A revista LiFE publica fotos de Aldrin na Lua, onde aparecem dois UFOs. Ele teria informado à terra: "Estavam aqui. Agora decolaram.  
         
  14.11.1969   Apolo 12. UFO sobrevoa o Centro Espacial de Houston e segue o foguete ( Confirmado por técnicos de lançamento )  

(Material coletado da Revista Manchete)

 

 

SONHOS DE CRIANÇAS

Sonhos de Criança

Por: Carlos Alberto Rodrigues Junior

" O espaço a fronteira final, estas são as viagens da Nave Estelar U.S.S. Enterprise, em sua missão de cinco anos, em busca de estranhos novos mundos e civilizações, audaciosamente indo aonde o homem jamais esteve antes. "

Ao lembrar dessa chamada, ontem pela manhã, me dei conta, pela primeira vez, de quanto tempo faz que sou apreciador de Jornada nas Estrelas. Não é um caso de velhice pessoal, tam pouco medo de envelhecer, mas é engraçado ( pelo menos penso assim ) como tornam-se eternos os nossos grandes heróis.

Sim, eternos mesmo, pois passeando pela NET, dias atrás me deparei com uma informação que deixou-me um tanto quanto estarrecido. O famoso William Shatner, nosso, Capitão James Tiberius Kirk, estará completando 68 anos de idade neste ano, ou seja, é um senhor quase septuagenário.

Não posso falar pelos outros, mas quando assisto os filmes, mesmo os  mais  recentes ( Star trek -  Generations ) eu tenho a impressão que o Capitão Kirk permanece com sua figura inalterada, não que as rugas e a barriga não estejam à vista, mas a personalidade de seu Personagem.

Há quem diga, inclusive, principalmente os críticos de arte, que o William Shatner é um verdadeiro canastrão como ator, fato que não atrevo a contestar pelo simples fato de não ser um especialista na sétima arte.

Porém, o fato de gostar ou não de um.personagem ou de um filme, na maioria dos casos está relacionada a um sentimento próprio aquele que assiste, pois se assim não o fosse, não haveriam filmes ruins ou bons.

Dessa forma, não consigo imaginar um outro ator personificando a figura de James T. Kirk, que não o próprio Shatner, sendo que tal percepção é que me deixou entristecido, pois com a tecnologia hoje existente, não será mais possível, dentro em breve, ver o audacioso Capitão Kirk comandar sua tripulação e nave em uma sonhada e nova Jornada nas Estrelas.

 

Capitão James T. Kirk

 

Esta semana, fui convidado a visitar o SITE de um membro da tripulação da FFESP, e posso afirmar que aqueles que resolverem conhecê-lo, terão uma grata surpresa.

O endereço é o seguinte: http://www.geocities.com/Area51/Labyrinth/9405

O autor da página é o Alferes Carlos Eduardo Carvalho

CONFIRA

 

 

Uma Jornada de Vozes
(1ª parte)

por Carlos Amorim

A dublagem é um elemento essecial para o sucesso ou fracasso de um seriado no Brasil, sendo objeto ao mesmo tempo de amor e ódio pelos telespectadores, mas algo é indubitável: o fascínio que exerce sobre todos. Quem de nós nunca ficou curíoso em saber quem esta por trás da voz do personagem que tanto gostamos de assistir?

Jornadas nas Estrelas (Star Trek) chegou ao Brasil em 1967 para ser exibida na programação noturna da extinta TV Excelsior. Foi   dublada pelo estúdio A.I.C., ( Artes Industrial Cinematográfica ) atual B.K.S., em São Paulo, estúdio responsável pela dublagem de grandes seriados dos anos 60 como: Viagem ao Fundo do Mar, Perdidos no Espaço entre outros. O A.I.C. marcou, a "era de ouro" da dublagem nacional, período assim, conhecido em virtude da alta qualidade dos profissionais envolvidos, tamanha era a qualidade das vozes e da interpretação que vários personagens tinham mais de uma voz, alguns até três, o que nunca foi motivo de descontentamento entre os fãs.



Assim aconteceu, também com Jornada Nas Estrelas.
O Cap. Kirk teve três vozes: Emerson Camargo, Dênis Carvalho e Astrogildo Filho.

Camargo, além de ser a. primeira voz do Capitão, também foi o primeiro tradutor da série no país, e é o autor da frase que tornou-se a marca registrada, de Star Trek no Brasil:

"......audaciosamente indo onde nenhum homem jamais esteve".
É o dono do estúdio Mastersound  ( que dubla o seriado " O Quinteto " da   Rede Record ). Deu ao personagem uma voz suave e tranqüila. O ator e diretor ( da Rede Globo ) Dênis Carvalho que não dubla mais, foi quem mais se aproximou do tom seco e autoritário original que Shatner possuía quando jovem ( foi a primeira voz brasileira de Roger ' Race ' Bannon de Jonny Quest). Astrogildo Filho ( dublou a primeira voz do   prof. Robinson de Perdidos no Espaço ) já  falecido, possuía uma voz mais empostada, ficando famoso por não conseguir pronunciar corretamente palavra klingon ( saia , klincon, klincun,  tudo menos o correto ), foi quem mais dublou o personagem.

Material coletado Na Estação Genesis

 



Designada como Oficial de Comunicações na U.S.S. Enterprise, quando esta estava sob o comando do Capitão James Kirk.

Uhura nasceu em 2239 nos Estados Unidos da África, no planeta Terra.

Unura completou seu treinamento na Academia da Frota em 2261, tendo sido inicialmente designada para o setor de comando na Enterprise, mas ela rapidamente transferida para a engenharia para assumir o comando das comunicações da nave.

Uhura além. de ser uma excelente técnica e profissional era considerada pelo Capitão Kirk a mais capaz e confiável Tenente na Enterprise.
Uhura é o tipo de pessoa que todos gostam, e cujo divertimento é agraciar aos demais membros da tripulação, com canções das mais diversas partes da Galáxia.

 

Um dos fatos mais significativos de sua carreira na U.S.S. Enterprise ocorreu quando os membros do sexo masculino ficaram sobre a influencias das mulheres de Taurus II.. ( Data Estelar 5483.7 ), os quais firam totalmente incapacitados de atuar, foi a Tenente Uhura e a Enfermeira  Chapel que assumiram o comando da nave e do resto da tripulação feminina, para efetuarem o resgate de Kirk, Spock, e Dr. McCoy Nichelle Nichols enterpretou a Tenente Uhura em todos os episódios e filmes de Jornada Nas Estrelas, fazendo-o muito bem,  além do que deu vida através de sua voz a inúmeros personagens na versão em desenho animado da Série. Sendo uma outra curiosidade a respeito desse personagem o fato de que em qualquer episódio ou   filme foi utilizado um outro nome para a Tenente Uhura.

Tenente Uhura


Atriz: Nichelle Nichols.

     

 

NOVOS CERTIFICADOS DE SÓCIOS

Está sendo desenvolvido, o novo Certificado de Sócio, onde você, poderá ter a sua foto vistindo o novo uniforme do filme Star Trek - Insurrection.

Veja como você poderia ficar:

PODERIA SER VOCÊ ! TENENTE FABIO

Envio sua foto 3x4, via e-mail ao Tenente Fabio - tugy@mandic.com.br - não podendo enviá-la, por e-mail, envie por correio contate o Tenente Fabio, que explicará como proceder.

 

Visite a Galeria da Tripulação da
FEDERAÇÃO DA FROTA ESTELAR DE SÃO PAULO

 

 

HUMOR

 

 

FÃS COLECIONADORES

Existe um Site Super Legal, ,que é um tipo de Galeria Virtual, para colecionadores de objetos Trekkers e outros do gênero de ficção científica.
Recomendo a todos. Confira com o pessoal da U.S.S.(Ralfo, Elisa, Marcos).

 

 


 

Matérias e materiais, para serem divulgação nas futuras edições dos Informes Gerais, devem ser encaminhados à PONTE DE COMANDO - F.F.E.S.P. ao cuidados do Capitão Carlos Rodrigues Junior - fome@amazon.com.br

Jornada nas Estrelas, assim como as imagens e simbolos aqui utilizados, são da Paramount Pictures Inc, uma empresa Viacom. Reconhecemos seu direito autoral e não tentamos infringir. O objetivo deste informativo é divulgar o universo Trekker de Jornada Nas Estrelas.